25.7.11

Cat Power – Moon Pix

Cat Power

 

Moon Pix (1998)

 

Para algumas pessoas, um simples violão ligado num canal um pouco acima das tempestades e uma voz ainda sob o efeito de serenos pesadelos, representa a iluminação necessária para composições, que acima de tudo, se diluem ao mesmo tempo que as horas – em suas indomáveis passagens -  e crava em nossos corações lacrimejantes, certezas eternas para nós.

Chan Marshall, cantora e compositora americana, já havia lançado três álbuns, quando após uma intensa noite pertubada por sonhos angustiantes, entra em estúdio e comete o disco que define sua carreira como um dos melhores achados da década de 90. O sublime e chuvoso Moon Pix.

Pequenos efeitos percussivos, um violão pontiagudo  e a voz de Marshall – vugo Cat Power - nos faz entender em que ambiente estamos. Poderia ser um quarto escuro, pouca luz, ruas quase desertas, pequenos fragmentos de ventos, silêncio como um pote cheio de fotografias reconhecíveis mas as aparências de um disco cinzento - o tornando insuportável - releva-se equivocada.

Para colocar os pés na delicada e vulnerável lua da poetisa é preciso deixar de fora qualquer peso de um apelo de uma música mais cheia, orgânica, carregada de instrumentações. Moon Pix destila em seus acordes, rara sensibilidade, com tímida orientação pop e paisagens perfeitas para dias chuvosos, onde certas memorias insistem em bater à porta.

Para ouvidos entorpecidos por: Joni Mitchell, Elliot Smith, copos de café nas madrugadas, ver estrelas e chorar baixinho.

 

Link: Download

2 comentários:

Nádia C. disse...

Eu fico louca com o Myra Lee, mas esse também! Parabéns pelo blog, Le! muito lindo e criativo, só queria que tivesse os links pra download :/ pode

me manda por email?

Nádia C. disse...

it makes no sense, no sense, no sense...